Carnaval no Brasil, e o Rio de Janeiro fica fervendo. Como gostamos de lugares mais calmos e sem muita bagunça, resolvemos dar uma fugida até o Sul e conhecer algumas outras vinícolas que não conseguimos ir em nossa viagem até o Sul.

Pegamos um voo da Tam até Porto Alegre. Dessa vez, aproveitamos para ficar 2 noites hospedados em Gramado, para conhecer um pouco mais do local.

Chegando no aeroporto de POA, pegamos nosso carro alugado na BM autolocadora, através do site do decolar e seguimos viagem. Pegamos, ou tentamos pegar, a rota romântica. Não sei se acertamos o caminho, pois de romântica a rota não tinha muita coisa, mas…paramos em Igrejinha para almoçarmos.

Não tinha muitas opções, por conta do horário, então fomos no Madero comer um hambúrguer.

Aproveitamos para dar uma volta e conhecer o local. Tinha uma igreja bem bonitinha, um pequeno comércio e nada mais. Seguimos viagem até Gramado.

Escolhemos ficar perto do Centro para evitarmos andar de carro na cidade. O hotel escolhido foi o Pequeno Bosque. Hotel bonitinho, mas nos deram um quarto de categoria inferior ao que alugamos.

Entramos em contato com o booking, mas só nos mudaram de quarto no dia seguinte. Quarto simples, mas mais moderno do que o antigo. Café da manhã razoável. Não me hospedaria lá novamente.

Deixamos nossas malas e seguimos para caminhar pelo centro da cidade. Sentamos em um restaurante na rua principal, chamado Bistrot Pastasciutta. Tomamos uma sopa, degustamos um vinho e fomos descansar.

 

Para o dia, tínhamos programado ir no Snowland.

Deixamos as crianças lá e seguimos nosso passeio. Paramos no museu de pedras preciosas para conhecer o local.

 

 

Fizemos um tour pelo local, que é bastante interessante, fizemos umas comprinhas e seguimos para  almoçar em Canela, no restaurante chamado La Braise.

 

Um restaurante especializado em carnes. Lugar bastante agradável. Comemos e bebemos muito bem.

 

Buscamos as crianças e voltamos ao centro de Gramado para escolhermos o lugar do nosso jantar: Le Chalet.

 

Uma casa de fondue e raclete deliciosa. Estava tudo muito especial, desde a mesa em que sentamos, em um ambiente super reservado, a comida sensacional, o vinho e o atendimento top.

 

 

Sem dúvida, foi o melhor da viagem!!!

Nosso roteiro seguia para o Vale dos Vinhedos. Com visita para às 11, saímos cedo de gramado e fomos em direção a vinícola Cave de Pedra.

Um lugar muito bonito. A visita foi bem fraca. Nossa guia era muito simpática, mas com muito pouco conhecimento. Degustamos 2 vinhos e 3 espumantes. Na saída, fomos recepcionados pelo dono da vinícola, que nos presenteou com uma degustação do top dele, o especial blend. Muito gostoso e o Sr. muito simpático.

 

Nosso almoço foi na vinícola Vallontano. Não fizemos visita no local, apenas almoço no restaurante da mesma.

Um ambiente pequeno mas bem agradável. São especialistas em risotos. Diversos tipos no cardápio. Comemos muito bem.

Escolhemos um vinho rosé de entrada e um tinto top da casa para a refeição. Tudo muito gostoso e agradável.

 

Após o almoço, fomos fazer o check in na pousada. Escolhemos não ficar no centro de Bento Gonçalves dessa vez. Queria um local mais reservado. Ficamos hospedados na Pousada Afeto.

Uns 15 minutos de carro do centro. São apenas 4 chalés em um ambiente mais rural. Super charmosa a pousada.

Os donos são muito simpáticos e recebem muito bem. De manhã, pode ser um pouco barulhento por conta dos cachorros e ovelhas. Mas nada que incomode muito. Tentamos dar um pulo na Salton, pois ficava bem ao lado da pousada, mas já estava fechando quando chegamos.

Saímos em busca de um lugar para jantar. Achamos um lugar charmoso e resolvemos parar. Chamonix. Uma casa bem bacana, aconchegante que serve um delicioso fondue.

Uma carta de vinhos legal e um atendimento top. Curtimos tudo nesse lugar!!!

Nossa primeira visita do dia foi na Marco Luidgi. Um lugar encantador!

Casa principal linda! Uma adega subterrânea muito bacana. Eles disponibilizam vinhos antigos para compra. Muito legal! Fomos super bem atendidos por nossa guia. A degustação dos vinhos não foi tão legal, mas a visita vale pelo local.

 

 

Fomos na Terragnolo, que fica bem em frente, mas como tínhamos um almoço agendado, marcamos nosso retorno para o dia seguinte, com uma degustação com o enólogo da vinícola.

O almoço foi na vinícola Peculiare, restaurante Osteria del Valle.

Eles fazem menu fixo. Uma degustação de vários tipos de comida. Muito gostoso e diferente. Muita comida também. Você pode optar por fazer a harmonização com os vinhos ou escolher um vinho à la carte. Uma experiência gastronômica bem diferente.

 

Paramos para uma breve degustação na Alma Única. Uma bela paisagem. Lindas fotos e bons vinhos.

 

 

Seguimos então para nossa próxima parada: Pizzato.

Foi uma das melhores degustações que fizemos por lá. Nossa simpática guia nos mostrou um pouco das videiras, provamos algumas uvas e voltamos para a casa principal pois chovia muito.

Começamos com um espumante e em seguida vários vinhos deliciosos. Foi servido também uma tábua de frios para acompanhamento.

 

Nossa visita durou 3h. Foi impecável!

Finalmente, fomos conhecer o restaurante Pizza entre vinhos. Super recomendado!

Um ambiente bem simples, diferente e muito legal. Você escolhe os vinhos que ficam expostos entre as mesas. Pizza maravilhosa! Atendimento muito bom! Super recomendo!!!

 

Pela manhã, resolvemos fazer uma visita diferente.

Na Dal Pizzol eles dispõe de uma degustação sensorial às cegas. Uma experiência INCRÍVEL!!!

Vendados, escutamos um áudio, tocamos objetos, sentimos cheiros diferentes, provamos vinhos…tudo em uma sequência maravilhosa. Muito bacana!

Degustamos bons vinhos na degustação e, ao final, seguimos para a loja, onde nossa guia nos ofereceu algumas outras provas.

Para quem nunca teve esse tipo de experiência, super recomendo.

Nosso almoço foi na Vinhos Cristófoli. Uma casa pequena e bem aconchegante. Nossa mesa estava em um canto super reservado. Adoramos.

Menu fixo também, nos dão a opção de escolha dos pratos na hora. Vinho incluído. Muio bom! Comida simples, caseira, mas bem gostosa.

Após o almoço, fomos até a Cave Geisse para degustarmos um espumante no open lounge que eles tem.

As visitas já haviam encerrado, mas o local é tão agradável que vale a ida apenas para degustar um espumante ou um vinho e comer uns tapas na varanda da vinícola.

 

Foi o que fizemos! Um lugar especial!!!

Deixamos a tropa na pousada e fomos para a Terragnolo para nossa degustação com o enólogo. A degustação é feita na cave das barricas. Uma vinícola familiar, de médio porte.

O enólogo é o dono. Um apaixonado por vinhos e pelo que faz. Dá gosto de ouvir!!! Fizemos uma degustação completa de vinhos prontos e vinhos que estão envelhecendo nas barricas.

Serviram uma tábua de queijos, frios e uvas e um pão feito pela mãe do enólogo que estava sensacional! Ficamos um bom tempo por lá! Amamos tudo!!!

À noite, os donos da nossa pousada nos presentearam com um churrasco típico do Sul. Muito simpático da parte deles e muito gostoso também!!! Adoramos o atendimento do local!!!

Nosso último dia de viagem, fomos passar o dia na vinícola Don Guerino.

 

Já conhecíamos o local, mas não o restaurante. Amamos os vinhos! Uma vinícola familiar, mas de grande porte, onde cada um tem uma função. Chegamos direto para o almoço. Um restaurante espetacular!

O filho mais novo é o chef do restaurante. Estava tudo muito especial. Menu fixo, harmonizado, escolhido previamente a visita.

 

Espumantes e vinhos deliciosos! Atendimento TOP!!! A vista do local de frente para as vinhas, também é algo a ser muito apreciada.

 

Após o almoço, fomos fazer a nossa visita com o Enólogo, o filho do meio. Ele é super simpático e ama o que faz. É sempre um prazer escutar o que ele tem a dizer sobre seus vinhos.

 

Fizemos degustação em barricas e depois seguimos para a varanda do restaurante para degustar algumas novidades e apreciar um pouco mais a vista local. Foi um dia muito prazeroso!!! Recomendo muito a visita nesse local! Fica em Alto Feliz. Meio do caminho entre Gramado e Bento.

Voltamos para Bento e fomos em um pizzaria super recomendada pelo Bruno da Don Guerino.

No centro da cidade, um lugar totalmente diferente do que já fomos na vida. Você se serve. As bebidas ficam expostas no restaurante. Você pega o que quer e senta para esperar sua pizza. Pizza sensacional!

Acho que uma das melhores que já comemos. Os donos são super simpáticos e engraçados e te deixam super a vontade. Muito diferente e bacana o lugar: Pizza Verace Otto e Mezzo.

Nossa viagem chegou ao fim…O Vale dos Vinhedos é um roteiro super fácil e com muitas variedades de vinícolas e restaurantes para visitar. Você pode ir várias vezes e ver sempre coisas novas. Essa foi nossa segunda vez, mas, com certeza, não foi a última…até a próxima!!!