Topo

Vamos de Viagem

O Château Mouton Rothschild é uma famosa vinícola da região de Médoc, localizado na comuna de Pauillac. Ele produz um dos mais prestigiados vinhos de Bordeaux.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em 1853, o Barão Nathaniel de Rothschild comprou Château Brane-Mouton em um leilão. A propriedade no coração do Médoc, passa a ter o seu nome: Château Mouton Rothschild. Em 1855 foi classificado como “Deuxième Grand Cru Classé”. Após a morte de Nathaniel em 1870, o castelo permaneceu na família mas com pouco desenvolvimento até 1922, quando Philippe de Rothschild assumiu o controle do vinhedo e foi o grande responsável pela ressurreição do Château. O ano 1924 marca o primeiro engarrafamento no château. Em 1973, a revisão da classificação de 1855 consagrou o Mouton como “Premier Grand Cru”, que passa a compartilhar essa rara distinção com Château Margaux, o Château Latour, o Château Lafite Rothschild e Château Haut-Brion.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Além da excelência dos seus vinhos, e de ter sido o único château que mudou sua classificação, outro motivo que faz Mouton Rothschild famoso, é que desde 1945, o rótulo é diferente em cada ano, muitas vezes ilustrado por um famoso artista (incluindo Marc Chagall, Miró, Picasso).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com 90 hectares de vinhas, as uvas plantadas por lá são: Cabernet Sauvignon (81%), Merlot (15%), Cabernet Franc (3%) e Petit Verdot (1%).  São plantadas 10.000 vinhas por hectare e a idade média das vinhas é de cerca de 44 anos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Nós agendamos nossa visita com bastante antecedência e, mesmo assim, tivemos que fazer alguma modificação do roteiro pois só havia um dia disponível. A procura é muito grande, então programe-se caso queira fazer uma degustação por lá.

Começamos a visita nas parreiras e seguimos para à área de produção. A vindima estava para começar, então já vimos algum movimento por lá.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma parte da visitação, inclui a ida ao museu particular dos donos com peças de artes únicas. Muito interessante, mas não pode tirar fotos, então, vou ficar devendo essa. Tem uma sessão com os desenhos originais dos rótulos. Muito interessante! Depois de tudo, seguimos para a melhor parte.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A degustação de 3 vinhos. Um Château Clerc Milon 2011, um Château D’Armailhac 2008 e um Château Mouton Rothschild 2007. Os três estavam sensacionas, mas o Mouton foi algo especial. 🙂

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Super recomendo essa visita. Uma experiência única!!!

Maiores informações:

Château Mouton Rothschild

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

POSTAR UM COMENTÁRIO